Jornalista Jarbas Cordeiro de Campos

Minha foto
Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil
Jornalista formado pela FAFI-BH,especializado em Gestão de Sistemas e Serviços de Saúde pela ESPMG. "O Tribunal Supremo dos EUA decidiu que "só uma imprensa livre e sem amarras pode expôr eficazmente as mentiras de um governo." Nós concordamos."

28 fevereiro 2007

CABRAL DESCOBRE SOLUÇÃO DO BRASIL


Pela legalização das drogas

"Do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB-RJ), sobre uma de suas propostas para o combate à violência:
- Não sou hipócrita nem covarde. Eu defendo que seja revista a proibição das drogas (...) Temos de colocar na balança o custo-benefício da proibição das drogas. Até que ponto a proibição das drogas não tem levado muito mais gente à morte do que se houvesse uma discussão com os fóruns internacionais?
Essa proposta não foi incluída no documento que pede mudanças na legislação penal, entregue hoje pelos governadores dos estados do Sudeste aos presidentes da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) - leia nota." Fonte Blog do Noblat.

4 comentários:

Ricardo Rayol disse...

Sei não me parece legislar em causa própria.

Antonio Carlos S. Monteiro disse...

Jarbas, este documento que pede mudanças na legislação penal tem as mesmas propostas de projetos já encaminhados, mas que, ociosamente, ficaram engavetados na fortaleza do Congresso. O que deve ser feito é uma triagem dos projetos já encaminhados e priorizá-los para a uma deliberação no mais rápido possível.
A propósito de uma revisão na proibição da drogas. Acho que aí, pode está um dos principais problemas geradores de toda essa violência organizada. A proibição imputa a clandestinidade, e dentre elas, a de armas, e de todo tipo de ilicitude presente no narcotráfico. A pobreza existente no subúrbio não dá acesso à educação nem a empregos dignos, e encontra facilidade de trabalho junto ao crime, com isso, se formam escolas de ínfimos e marginais.
Temos que pensar com muita racionalidade sobre este assunto, pois nele, pode estar o berço do crime organizado.

CAntonio disse...

Bateu forte Rayol....(mas não deve estar longe da verdade).

Rasgue-se o código penal e legalize-se qualquer tipo de crime...simples não?

Será o fim da burocratica justiça lenta, juizes, juri, advogados, recurso mil...que chatice.

SDS.

Cristina Lima disse...

Estou com o Antônio Carlos. O que não nos falta é projeto de revisão. Mas atitude mesmo não tem.
A pseudo guerra que vivemos é totalmente gerada pelo tráfico/controle de drogas. Quem quer fumar, cheirar etc faz sem se preocupar com nada , principalmente com as leis.
O problema é que tem muita gente GRAAAANDE se dando bem nisso.
e que Deus nos ajude !