Jornalista Jarbas Cordeiro de Campos

Minha foto
Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil
Jornalista formado pela FAFI-BH,especializado em Gestão de Sistemas e Serviços de Saúde pela ESPMG. "O Tribunal Supremo dos EUA decidiu que "só uma imprensa livre e sem amarras pode expôr eficazmente as mentiras de um governo." Nós concordamos."

05 outubro 2006

ERRARAM ! A MANDO DE QUEM ? E O DINHEIRO, DE ONDE VEM ?


"O presidente do diretório estadual do PT em São Paulo, Paulo Frateschi, em entrevista a Folha de São Paul, disse ontem que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ‘tratou de maneira muito pesada’ os petistas ao chamá-los de ‘bandidos’, ‘aloprados’ e culpá-los pelo ‘tiro no pé’ que impediu sua reeleição no primeiro turno. ‘Essa coisa de chamá-los de bandidos eu não concordo, mas não concordo mesmo. Não são bandidos. Eu os conheço, convivi com eles. Não fizeram por mal. Fizeram porque chegaram num nível de pressão e erraram", disse Frateschi, que deixou a coordenação da campanha de Lula em São Paulo e cedeu o posto à ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy. Para Frateschi, os petistas que se envolveram na ‘operação dossiê’ o fizeram por ‘autodefesa’, porque se sentiram ‘moralmente massacrados’ com as crises pelas quais o PT passou. Ele se referiu ao mensalão. ‘Tentaram criminalizar o PT. A militância não estava gostando de ter sido tratada assim. Isso causou uma reação. Acho que foi algo que eles decidiram fazer, não pesaram as conseqüências. O objetivo era a autodefesa. E erraram’, disse.” Fonte: Folha de São Paulo, assinantes clique aqui.

7 comentários:

Rodrigo disse...

Então tá... Eu sou um advogado, defendendo uma causa importante...

Por conta de pressões do meu cliente que quer que eu assegure o resultado da lide, eu decido pagar algumas testemunhas para que digam isto ou aquilo no julgamento.

"Infelizmente", a informação da compra de testemunhas vaza e o meu cliente vocifera em minha direção: "Você é um aloprado, um bandido. Não era isso que eu queria que você fizesse. Você está despedido."

Daí duas conclusões:

1. O fato de eu ter comprado testemunhas não foi um crime? Eu só cometi um erro de julgamento? Lógico que não.

2. O meu cliente realmente não sabia o que se passava e não queria que eu fizesse isso, apesar de me pressionar para obter determinado resultado? Pergunte ao Lula, talvez ele possa responder com algo mais do que o usual "Eu não sei".

Abraços,
Rodrigo

Ricardo Rayol disse...

Não entendi, os erros do passado justificaram essa palhaçada?

Rodrigo disse...

Jarbas,

Vou indagar a alguns doutos colegas causídicos (haja latim). Assim que tiver alguma coisa a respeito te informo.

Abraços,
Rodrigo

Kafé Roceiro disse...

Honestamente, amigo, acho que a Marta não merece andar com o sobrenome do nosso caríssimo Eduardo Suplicy. É traíra também. Tô doido pra ver o debate domingo, se bem que acho que o Lula tinha medo era da HH.

Guilherme Roesler disse...

Jarbas, eles enrolam muito! A questão é: DE ONDE VEIO O DINHEIRO!! Acho que sabem, mas a eleições... estão aí.

Saramar disse...

Meu Deus, Jarbas, nunca li tanta bobagem reunida em uma só entrevista (risos).

Auto-defesa???? só rindo muito mesmo.

José Alberto Mostardinha disse...

Viva Jarbas:

Desta vez é para te dizer que no Estados Gerais também temos um "Mensalão".
Aguardo a tua visita e comentário.
Bom fim de semana
Um abraço,